Os benefícios de uma janela alimentar de 10 horas

A síndrome metabólica aumenta o risco de diabetes tipo 2, doenças cardíacas e derrames. Porém, intervenções no estilo de vida, como adotar uma dieta saudável e aumentar o exercício físico, são difíceis de manter e, mesmo quando combinadas com medicamentos, muitas vezes são insuficientes para gerenciar completamente a doença.

Recentemente, pesquisadores descobriram que uma intervenção alimentar com restrição de tempo de 10 horas, quando combinada com medicamentos tradicionais, resultava em perda de peso, redução de gordura abdominal, pressão arterial baixa e colesterol, e níveis mais estáveis ​​de açúcar no sangue e insulina. Essas diretrizes podem levar a uma nova opção de tratamento para pacientes com síndrome metabólica, que correm risco de desenvolver condições médicas crônicas como o diabetes.

A alimentação com restrição de tempo reseta os ritmos circadianos de um indivíduo e pode maximizar os benefícios à saúde. Os ritmos circadianos são os ciclos de processos biológicos de 24 horas que afetam quase todas as células do corpo.

Na última década, foram feitas várias descobertas científicas que afirmam que padrões alimentares irregulares podem aumentar o risco de distúrbios metabólicos. Seus sintomas incluem o aumento da gordura abdominal, do colesterol, da pressão arterial e dos níveis de açúcar no sangue.

A combinação de alimentos com restrição de tempo e medicamentos pode dar a esses pacientes a capacidade de gerenciar melhor sua doença. Ao contrário da contagem de calorias, a ingestão de alimentos com restrição de tempo é uma intervenção dietética bem simples de incorporar, e é possível manter a programação alimentar com mais sucesso.